quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

Dieta líquida - dieta de desintoxicação

Olá pessoal!!! Feliz Ano Novo a todos, muito trabalho, saúde, alergria e paz em Deus nesse ano!
Quero agradecer aos leitores desse blog pelo carinho e pela consideração que cada um tem comigo! Fico muito feliz de ler os comentários e ver que estou sendo útil nesse mundo, exercendo esse ministério, que é o da Nutrição. Talvez muitos de vocês não acreditem, mas foi Deus quem me conduziu até a nutrição e foi Deus quem abriu as portas de todas as 3 pós-graduações que fiz, e todo trabalho que realizei até hoje! Então agradeço a Deus por tudo também e quero deixar isso público!

O post de hoje é sobre dietas de desintoxicação. Já que é o primeiro post do ano e todo mundo pensa em começar uma dieta, resolvi expor sobre isso!
Não vou te ensinar fazer uma dieta, porque como falo sempre, cada pessoa é uma pessoa e ninguém pode pegar uma dieta de gaveta e fazer disso a sua dieta. Aqui vão apenas alguns conselhos e minha opinião, tá?

A revista Shape de dezembro me entrevistou sobre dietas líquidas, que é um tipo de dieta de desintoxicação! E falamos muito sobre desinchar!


- Quais são os principais fatores que provocam inchaço na mulher?


Dra Fernanda Granja: Um dos principais fatores que causam inchaço na mulher são as alterações hormonais que ocorrem no período pré- menstrual , pela interferência na produção de substâncias como a aldosterona que regula a quantidade de sal no organismo.

Outra origem de inchaço na mulher ocorre por conta da gravidez. Entre o final do segundo trimestre de gestação e o início do terceiro, o útero aumentado comprime os vasos pélvicos, localizados na região pélvica. A partir disso o retorno do sangue fica prejudicado. Então o sangue sai do coração, segue para as pernas e os pés e, na hora de retornar para a parte superior do corpo, encontra resistência.


- Todas as mulheres sofrem com esse problema?

Dra Fernanda Granja:A retenção Hídrica depende de fatores hormonais e individuais que variam de pessoa para pessoa.

- Quais são os alimentos que combatem esse inchaço? Como eles agem no corpo para eliminar o inchaço?


Dra Fernanda Granja:Os principais alimentos para os casos de retenção hídrica são aqueles fontes de potássio, calcio, magnésio e vitm B6. Portanto, o uso contínuo desses alimentos ajudam o organismo a funcionar melhor e não reter líquido: levedo de cerveja, cavalinha e hibisco (potássio); gergelim, girassol, semente de melão, melado, soja, vegetais verdes folhosos escuros, tofu, feijões, brócolis (calcio); amêndoas, couve, salsinha, quinua, linhaça, semente de abóbora, avelã, castanha-do-Brasil, caju, tofu, chocolate sem açúcar, acelga cozida, alcachofra inteira cozida, espinafre, feijão preto, quiabo (magnésio); arroz integral, arroz preto, quinua (vitm B6).

O sódio e o potássio atuam como reguladores de água no organismo: o potássio como diurético e o sódio provocando retenção de líquidos. O sódio, o potássio, o cálcio e o magnésio, são os principais cátions do organismo e a vida só pode ser mantida quando estes eletrólitos estiverem na concentração correta, dentro de cada um dos compartimentos do organismo. Se um desses eletrólitos estiver desequilibrado, os outros também o estarão. Desequilíbrios hidrolíticos e/ou eletrolíticos provocam alterações no nosso organismo, que podem ser imperceptíveis ou um pouco mais graves.

Um fato interessante e pouca gente sabe, é que, além de inchar, o sal pode favorecer o ganho de peso. A ingestão de sódio possui ligação com níveis de insulina, já que esta promove a reabsorção renal deste nutriente, sendo que em situações de hiperinsulinemia (excesso de insulina circulante) esta ação ocorre de forma exacerbada. Este mecanismo demonstra a influência do consumo de sódio em indivíduos portadores de obesidade e diabetes, sendo que tais indivíduos apresentam reabsorção de sódio significativamente maior. Estudos com humanos demonstram que a restrição de sódio reduziu a resistência à insulina.

Não podemos esquecer também a vitamina B6, que quando deficiente diminui a capacidade dos rins em excretar sódio.

Dicas para aumentar o consumo e absorção de cálcio:


• Diminuir e ingestão de sal, pois cada 500mg de sódio, excretamos 10mg de cálcio. Isso favorece a retenção hídrica;

• Não coma proteínas em excesso, pois cada grama excreta quase 2mg de cálcio;

• Não tome mais de 4 xícaras de 50ml por dia de café, pois a cafeína também diminui o cálcio em dietas pobres deste mineral;

• Evitar na mesma refeição ou logo após, fonte de ferro e fonte de cálcio, pois o ferro compete com o cálcio, diminuido sua absorção. Exemplo: evite sobremesas de iogurte logo após o almoço ou evite saladas a base de queijo, etc;

• Evitar também fontes de oxalato como chocolate e chás, pois estes também impedem a absorção de cálcio;

• Tenha uma alimentação equilibrada, pois a ação em conjunto dos nutrientes é que faz a diferença.

Vale ressaltar que o uso de leite não é recomendado, pois mesmo ele sendo um alimento riquíssimo em calcio, esse mesmo não é totalmente absorvido, pois a proteína de leite prejudica o funcionamento do intestino, prejudicando a absroção de vitaminas e minerais pelo mesmo. Recomendo usar outras fontes de calcio, para que a absorção seja ao máximo.

Outra dica importante para diminuir o consumo de sal, e ainda assim, aumentar a palatabilidade das refeições, sem a necessidade do uso do sal, é usar temperos e ervas no dia a dia. As ervas como o orégano, a salsa, alecrim, sálvia e cúrcuma nos oferecem um saboroso tempero.

Para evitar a retenção de líquidos no organismo e um conseqüente aumento de peso, recomenda-se uma ingestão moderada de sódio na dieta, associada a uma ingestão adequada de potássio, como parte de uma alimentação saudável. Para isso é válido conferir no rótulo nutricional a quantidade de sódio presente em cada alimento para que assim os alimentos sejam escolhidos de forma a favorecer o funcionamento do organismo, promovendo uma vida mais saudável, livre de retenção de líquidos. Olhar no rótulo é o grande segredo.

Alimentos Ricos Em Sódio

Pães fermentados ou roscas feitas com sal; pães de preparo rápido ou bolos, feitos com fermento em pó, bicarbonato de sódio, sal ou feitos com misturas comerciais; cereais enriquecidos ou de cozimento rápido; cereais secos; bolachas cream cracker; pipoca salgada; pickles; batatas chips; embutidos como peito de peru, lingüiça, salsicha, paio, presunto cru, mortadela; sopas prontas, temperos prontos, alimentos instantâneos.

- Fazer uma dieta líquida durante uma semana ajuda a diminuir esse inchaço?


Dra Fernanda Granja:A dieta líquida nunca deve ser feita com o intuito de desinchar ou perder peso. A dieta deve ser feita para desintoxicação geral do organismo, ou seja, fazer uma limpeza para diminuir as toxinas circulantes no organismo. Um organismo intoxicado pode até mesmo provocar aumento no ganho de peso. Nesse caso, o que ocorre é o aumento de cortisol, que é um hormônio protetor. Cortisol liberado em excesso aumenta gordura principalmente na parte abdominal.

- Quais outras diferenças que a mulher sente?


Dra Fernanda Granja:Isso é muito individual, mas as mulheres são mais propensas a ter compulsão por doces, pela flutuação da serotonina, hormônio do bem estar. Isso pod estar relacionado ao estrogênio e ao uso de anticoncepcional.

- Quais são os cuidados ao fazer uma dieta líquida?

Dra Fernanda Granja:
• Nunca fazê-a por mais de 2 dias;

• Usar frutas e e vegetais frescos, de preferência orgânicos;

• Não usar alimentos industrializados, como suco de caixinha, suco em pó ou caldo de galinhas processados;

Os chamados “alimentos instantâneos”, como sopas industrializadas e macarrão instantâneo, pois normalmente, os alimentos acima citados são ricos em gorduras, carboidratos refinados e muito sal na composição, o que implica em um valor calórico elevado ou baixo e são as chamadas “calorias vazias”. O consumo exacerbado de alimentos industrializados toma o lugar de alimentos in natura, como frutas e verduras e de refeições completas, as quais são substituídas por lanches prontos, que são ricos em glutamato monossódico, que por sua vez é o grande vilão.

- Quais são os alimentos imprescindíveis dessa dieta? O que não pode faltar?


Dra Fernanda Granja:Frutas e vgetais sempre frescos e não processados.

- Quando tempo seguir uma dieta líquida?

Dra Fernanda Granja:De 1 a 2 dias, pois o organismo precisa desse tempo para realizar um desintoxicação. Os outros dias, pode-se voltar a comer alimentos sólidos, mas seguindo sempre a mesma regra: vegetais e frutas frescas.
- Quem passa desse limite ou não faz uma dieta com os alimentos corretos, quais os riscos que corre?


Dra Fernanda Granja:Quando nos submetemos a dietas muito rígidas e por muito tempo, nós estressamos o organismo. Toda vez que o estressamos, liberamos cortisol em excesso, causando aumento da gordura corporal. Outro agravante, é o de acosutumar o organismo a receber pouca comida durante muito tempo. Isso faz com o que nossas células tenham uma memória de privação, e assim, estocagem do alimento. Quando voltamos a comer normalmente, o organismo pensa que vamos ter privação novamente, e assim, armazena tudo com muita intensidade, voltando ao processo de ganho de peso. É preciso sempre orientação especializada em qualquer dieta que nos submetemos.


beijo grande e se cuida!!

3 comentários:

  1. o que se coloca no feijão que acaba deixando os funcionários de firma bem mais gordos?Tipo assim a comida de Pólo deixa os funcionários mais pesados pq?
    Otimo site

    ResponderExcluir
  2. eu tenho 13 ano e peso mais de 50 kilos o que que eu faço para emagrecer sem ter vontade de comer bestera ?,eu quero emagrecer porque todo mundo me chama de baleia fore da água

    ResponderExcluir
  3. Gostaria de saber se cha verde+ chia com colageno instantaneo,se realmente emagrece e nao aumenta a pressao arterial

    ResponderExcluir

Quero saber o que você pensa ou se tem dúvida! Por favor, se você estiver lendo um post antigo, faça a sua pergunta no post do dia, ok? Assim consigo te ajudar mellhor!! Obrigada pela visita e por acompanhar o blog!